IGREJA EM PORTUGAL

A Igreja Católica em Portugal é composta por 20 dioceses (além do Ordinariato Castrense – Diocese das Forças Armadas e das Forças de Segurança) e 4.378 paróquias, segundo os últimos dados oficiais, referentes a 31 de dezembro de 2014.

Num país em que 77,03 por cento da população se afirma católica (7.805.090 numa população de 10.131 683 habitantes), a Igreja tem ao seu serviço 45 bispos, 16 dos quais eméritos (já ultrapassaram os 75 anos e deixaram a direção pastoral das suas dioceses), 2.503 sacerdotes diocesanos e 848 sacerdotes religiosos, além de 354 diáconos permanentes (que colaboram pastoralmente com os presbíteros na celebração de alguns sacramentos e em determinadas funções).

Os números de 2014 indicam ainda que havia 417 seminaristas nos 81 seminários (diocesanos ou de ordens religiosas) espalhados pelo país.

 

Assistência

É sobretudo nos setores da Educação e da Assistência que se sente mais diretamente a ação da Igreja Católica em Portugal, gerindo 41 hospitais e 82 centros de atendimento ambulatório ou dispensários.

Além de orfanatos (92), casas para idosos, doentes crónicos ou deficientes (1.017) e creches (625), entre outros, a Igreja Católica tem ainda 328 Misericórdias e 254 Impérios do Espírito Santo, liderados por Irmandades laicais, que têm como lema a partilha de bens e a divulgação do culto à Terceira Pessoa da Santíssima Trindade através de um cerimonial próprio composto pela oração do rosário, Missa de Coroação e Bodo.

 

Ensino e Educação

Quanto ao Ensino e Educação, as estatísticas oficiais apontam para a existência, em 31 de dezembro de 2014, de 1.619 estabelecimentos, desde escolas materno-infantis ou primárias e secundárias a institutos superiores e faculdades.

 

Divulgação

Na área da divulgação, estão registadas 17 editoras católicas e 194 jornais, dos quais cinco são diários e 47 semanários, além de 34 estações de rádio.

Estrutura da Igreja Católica, a Conferência Episcopal Portuguesa é um órgão de coordenação de todos os bispos, com o objetivo de partilhar experiências e preocupações e de combinar esforços pastorais e critérios de ação.

No atual triénio (2014-2017), a Conferência Episcopal é presidida por D. Manuel Clemente, cardeal-patriarca de Lisboa, e tem como vice-presidente D. António Marto, bispo de Leiria-Fátima. Exerce as funções de secretário e de porta-voz da Conferência Episcopal o Pe. Manuel Barbosa.

Os dados oficiais sobre a Igreja Católica em Portugal estão disponíveis no sitio da Conferência Episcopal.

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização